ANÁLISE DOS NOVOS CONSTRANGIMENTOS INSERIDOS A PARTIR DA MUDANÇA NA ATIVIDADE DOS COLETORES DE LIXO COM A IMPLANTAÇÃO DO CONTÊINER DE 1000 LITROS EM UMA CIDADE DE MÉDIO PORTE DO INTERIOR PAULISTA

Roberto da Silva Picos, Talita Martins Oliveira, Andréa Regina Martins Fontes, Renato Luvizoto Rodrigues de Souza

Resumo


Do ponto de vista ergonômico, todo recurso induz uma dinâmica na atividade de trabalho e nos modos operatórios adotados. Neste artigo utilizou-se como objeto de estudo a atividade dos coletores de lixo urbano de uma cidade de médio porte do interior paulista. O objetivo deste estudo é identificar os novos constrangimentos na atividade de trabalho de coleta de lixo urbano após a implantação do recurso operacional (contêiner de 1000 litros). Foi realizado um estudo de caso, orientado pela perspectiva da Ergonomia da Atividade, no qual a coleta de dados deu-se através observações livres, filmagens, construção da ficha de descrição da tarefa, entrevistas e questionários aplicados tanto aos coletores como à população atendida. Os resultados obtidos explicitaram a atividade real e suas variabilidades intrínsecas e extrínsecas expostas pela movimentação do contêiner implantado. Concluiu-se que as principais diferenças entre a situação anteriormente existente e a atual é o excesso de peso causado pelo mau uso dos contêineres pela população e a dificuldade de movimentação dos contêineres nas vias.

Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.