Maquetes e mapas táteis: diretrizes para projeto, seleção de materiais e técnicas

Regina Álvares Dias, Sarah Estanislau, Isabella Bahia

Resumo


O presente artigo tem como objetivo a formulação de diretrizes para construção de mapas e maquetes táteis utilizadas pelos deficientes visuais como forma de ampliar a percepção espacial dos ambientes construídos. Para embasar essas diretrizes, foi preciso aprofundar em questões relacionadas ao usuário principal deste tipo de maquete – o deficiente visual –, a percepção tátil, as diferentes tipologias de comunicação e sinalização táteis e suas funções; a seleção de materiais e técnicas que sejam mais adequadas para a construção desses artefatos.


Texto completo: PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.